domingo, 14 de maio de 2017

Dia das Mães

A  #maternidade me pegou de surpresa em todos os seus aspectos. Eu não fui menina que brincava de boneca e fazia comidinha. Eu não sabia trocar uma fralda ou colocar um neném pra arrotar. Eu nem imaginava que ficaria quase 2 meses dormindo sentada com ela no colo, sem conseguir dormir por mais de 2h seguidas. Eu sempre soube que não seria uma mãe tão maravilhosa quanto à Soninha é pra mim, e ainda assim eu busco melhorar a cada dia por causa da Yasmin. Do meu jeito, mas busco. Optei pelo parto normal sem imaginar que doía tanto que cheguei perto de desistir (Ok, não fiz escândalo, mas é quase insuportável SIM. Pensei que ia morrer de dor SIM!). Eu não me planejei quanto à amamentação, não quis saber como seria e mais uma vez fui pega de surpresa quando vi meu bico sangrando e descobri que aquilo também doía demais, mas dessa vez nem passou pela minha cabeça em desistir, porque eu não suportaria vê-la possivelmente mais frágil porque neguei meu leite materno. Eu tive zika quando ela completou 1 mês, pensei que não ia aguentar as dores nas articulações, e ainda assim passava as madrugadas com ela dormindo no meu colo porque era a única maneira que ela aceitava dormir. Nunca nada foi tão desafiador pra mim quanto à maternidade. Com exceção de algumas impulsividades, normalmente faço tudo muito planejado. Penso e repenso mil vezes antes de colocar em ação. E a Yasmin foi o inesperado mais lindo que já me aconteceu! Ela me mostrou que eu posso ser forte, que eu não preciso dormir 12h por dia pra ficar de bom humor, que eu não posso pensar só no meu umbigo pra me sentir completa. Ela me fez crescer como mulher, como ser humano! Foi pensando no futuro dela que eu finalmente encontrei uma profissão que me apaixono a cada dia mais, e só tenho a agradecer a essa pequena por isso! Eu não consigo mais demorar 2h me arrumando, mas fico com cara de idiota apaixonada quando ela me vê passando batom e diz "Também", porque ela já tá ficando muito parecida comigo! Não foi uma gravidez planejada, eu custei a aceitar e a acreditar que daria conta do recado. Mas não posso negar que foi o melhor presente que Deus me deu. A gente nunca sabe o que pede, Deus é quem envia quem a gente precisa. Todo desafio se torna pequeno quando eu escuto um "Mamãe, te amo!" tão espontâneo que faz meus olhos brilharem. Acredito que ela nem mesmo sabe o peso dessas palavras, mas diz porque vê que me deixa feliz, e isso não tem preço! #DiaDasMães #Yasmin #MundoCorDeRosa #MãeDeMenina